Retorno integral

//Retorno integral

Os R$ 17 milhões que o ex-diretor da Petrobras, Nestor Cerveró, vai devolver por força do acordo com o Ministério Público, serão internados integralmente na empresa, por decisão do ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal. A Procuradoria queria que 20% desse total fossem para a União e apenas 80% para a Petrobras. “Não há justificativa legal”, resumiu Teori.


Compartilhar: